O Todesca está na janela apreciando a paisagem...

O Todesca está na janela apreciando a paisagem...

Expresso do Oriente

Expresso do Oriente

Todos a bordo

Todos a bordo

Restauração e colorização de fotografias.

Restauração e colorização de fotografias.
Caros amigos sem véus e com véus. Com muito gozo divulgo os valiosos préstimos profissionais do meu estimado amigo Reinaldo Elias, que tornou-se um tarimbado especialista em restauração e colorização de fotografias. Pelo criterioso trabalho, que envolve pesquisa e arte os preços cobrados pela restauração e colorização são módicos. Para solicitarem os valiosos préstimos profissionais entrem em contato com o meu querido amigo através do endereço eletrônico: rjelias200@yahoo.com.br Meus outonais olhos estão em água ao lembrar do já distante ano de 1962, quando minha amada e saudosa mãe me levou a uma filial das Casas Pirani, que ficava na Avenida Celso Garcia, para que seu bebezinho nº 6 fosse eternizado nesta fotografia. Embarcamos num trem de subúrbio, um reluzente trem prateado, na Estação de Santo André e desembarcamos na Estação paulistana do Brás. Lembro como se fosse hoje que levei um beliscão da minha genitora, porque eu queria a todo custo embarcar num bonde para chegar as Casas Pirani. Como eram poucas quadras de distância fomos caminhando até o paraíso do consumo. Saudades das Casas Pirani... Ontem, contei ao meu dileto amigo Gilberto Calixto Rios da minha frustração de nunca ter embarcado num bonde paulistano, que para o meu profundo desencanto teve a última linha desativada no ano de 1968, quando estávamos no auge dos nefastos e malditos anos de chumbo. No ano que fui eternizado nesta fotografia fazia sucesso estrondoso na fascinante Arte das Imagens em Movimento a película "Rome Adventure", aqui intitulada "Candelabro Italiano": https://www.youtube.com/watch?v=yLqfxLPga2E que assisti no extinto Cine Carlos Gomes, na condição de vela zeloso das minhas amadas irmãs mais velhas, a Dirce Zaqueu, Jô Oliveira e Maria Inês. Também no ano de 1962 minha diletíssima e saudosa cantora Maysa (1936-1977) deixava sua legião de fãs enternecida com a canção: https://www.youtube.com/watch?v=BeJHOAbkJcg Mãe, sempre te amei, amo e amarei. Saudades... Saudades... Saudades... Caloroso abraço. Saudações emocionadas. Até breve... João Paulo de Oliveira Um ser vivente em busca do conhecimento e do bem viver sem véus, sem ranços, com muita imaginação e com muito gozo. PS - Apesar dos pesares acho que continuo um petiz sonhador e esperançoso de um novo dia aos moldes da inesquecível personagem Scarlett O' Hara... Max, traga meus sais centuplicado.

Miniconto

Miniconto
Depois que minha neta me eternizou nesta fotografia o telefone tocou. Ao atender a ligação fiquei aterrorizado ao reconhecer a voz de Hades...

Mimo da Monika

Mimo da Monika
O que nos espera na próxima estação?

A viagem continua

A viagem continua
O quie nos espera na próxima estação?

Lambisgoia da Agrado

Lambisgoia da Agrado
Caros confrades/passageiros sem véus e com véus. A lambisgoia da Agrado, aquela mexeriqueira mor que tudo sabe e tudo vê, me surpreendeu porque não a vi trepar (nem preciso dizer que ela adora o outro significado deste verbo principalmente no presente do indicativo) no topo da locomotiva para se exibir e me ofuscar. Caloroso abraço. Saudações exibidas. Até breve... João Paulo de Oliveira Um ser vivente em busca do conhecimento e do bem viver sem véus, sem ranços e com muita imaginação.

Fonte: arqtodesca.blogspot.com.br

Fonte: arqtodesca.blogspot.com.br
Caros confrades passageiros. O pertinaz duende Himineu, que trabalha - com muito afinco para o Todesca - captou e eternizou o momento que a lambisgoia da Agrado, aquela mexeriqueira mor que tudo sabe e tudo vê, estava reflexiva a apreciar a paisagem no vagão restaurante do Expresso do Oriente sob meu comando. Caloroso braço. Saudações reflexivas. Até breve... João Paulo de Oliveira Um ser vivente em busca do conhecimento e do bem viver, sem véus, sem ranços, com muita imaginação, autenticidade e gozo.

Fonte: arqtodesca.blogspot.com.r

Fonte: arqtodesca.blogspot.com.r
Todos a bordo... A viagem continua...

Blogs todeschinianos

Blogs todeschinianos
Fonte: arqtodescadois.blogspot.com.br "Sonhei que o vagão joaopauloinquiridor.blogspot.com havia caído de uma ponte que ruíra... Mas, foi só um pesadelo..." Caros confrades/passageiros! Não me canso de divulgar os imperdíveis blogs do Todesca: arqtodesca.blogspot.com.br arqtodescadois.blogspot.com.br que são Oásis num deserto de alienação cibernética. É louvável a pertinácia deste notável, tarimbado e erudito ser vivente, que brinda seus felizardos leitores com ecléticas publicações que deixam patente sua vasta erudição e bem viver. Caloroso abraço. Saudações todeschinianas. Até breve... João Paulo de Oliveira Um ser vivente em busca do conhecimento e do bem viver, sem véus, sem ranços, com muita imaginação, autenticidade e gozo.

Continuo a espera de Godot...

Continuo a espera de Godot...
Saudações dionísicas.

Saudações leitoras.

Saudações leitoras.

Seguidores

quinta-feira, 31 de agosto de 2017

Roda de Conversas de Memória

Caros confrades passageiros.

Ontem, tivemos mais uma tarde memorável, porque ocorreu mais uma imperdível Roda de Conversas de Memória "batateira", que acontece todas as últimas quartas-feiras do mês, sempre das 14h00 às 16h30, na Seção de Pesquisa e Documentação de São Bernardo do Campo, localizada na Alameda Glória nº 197 esquina com a Rua Jurubatuba.
A Roda de Conversas de Memória, recebe de braços abertos todos aqueles afeitos à memória.
Contamos com as ilustres presenças de memorialistas e patrimonialistas das demais cidades da Região do Grande ABC.
Caloroso abraço. Saudações memorialistas.
Até breve...
Um ser vivente em busca do conhecimento e do bem viver, sem véus, sem ranços, com muita imaginação, autenticidade e gozo.

quarta-feira, 30 de agosto de 2017

Peripécias de uma viagem rodoviária de menos de 90 km




Caros confrades passageiros.
Ontem, retornei da cidade de Guarujá, às 11h40, como previsão de chegar à cidade de Diadema, às 12h40, como ocorre quando não enfrento imprevistos, como os de hoje, porque a Padroeira dos acidentes de trânsito e das máquinas rodantes, que apresentam pane mecânica, resolveu soltar a franga de vez, porque devido a um grave acidente, que aconteceu na rodovia do Imigrantes, sentido São Paulo, no km 26, o tráfego foi interditado na pista de subida, devido a carreta acidentada estar a transportar material corrosivo, que desviou o trânsito pela via Anchieta no Km 40 da rodovia dos Imigrantes. Para entornar o caldo de vez o tráfego estava lento, em três trechos - nos túneis - da rodovia dos Imigrantes, ocasionados por caminhões que apresentaram panes mecânicas. O mesmo ocorreu na interligação das rodovias Imigrantes/Anchieta e, depois de acessar a via Anchieta no km 40, mais um caminhão "desmaiado" na pista e, para culminar o soltamento da franga da Padroeira, tinha mais um acidente no km 21 da via Anchieta.
Depois destes dissabores rodoviários, cheguei - incólume - no meu apartamento, às 14h25. Ainda bem que a poderosa fada Selma D'ouro não chegou às 13h30, como estava combinado previamente, para entregar seus personalizados encantamentos, porque chegamos quase no mesmo horário.

Depois eu conto sobre as peças personalizadas que a poderosa fada Selma D'ouro me brindou.
Caloroso abraço. Saudações imprevisitas.
Até breve...
Um ser vivente em busca do conhecimento e do bem viver, sem véus, sem ranços, com muita imaginação, autenticidade e gozo.

terça-feira, 29 de agosto de 2017

segunda-feira, 28 de agosto de 2017

domingo, 27 de agosto de 2017

Criatividade


Caros confrades passageiros.
Muito criativa a iniciativa desta Fábrica de Chocolate, localizada na Rodovia Castello Branco, em externar, através desta obra de arte, a origem dos produtos que fabrica.
Fiquei propenso a lembrar da imperdível película de 1971, onde o nobilíssimo e saudoso ator Gene Wilder (1933-2016) brilhou intensamente.

Caloroso abraço. Saudações criativas.
Até breve...
João Paulo de Oliveira
Um ser vivente em busca do conhecimento e do bem viver, sem véus, sem ranços, com muita imaginação, autenticidade e gozo.

sábado, 26 de agosto de 2017

Miniconto


Sicrano: onde foi o casamento religioso?
Fulana: casei em Pirapora.
Sicrano: descobri que não foi...

Max...

quinta-feira, 24 de agosto de 2017

Sósia

Caros confrades passageiros.
Na segunda-feira, almocei num restaurante na cidade de Guarujá-SP e fiquei surpreso ao me deparar com o sósia do meu prezado Amigo Rui Espírito Santo.
Ao falar para o sósia que tinha um Amigo, residente na cidade do reino distante além-mar do Porto, ele disse que tem ascendência lusitana.
Que coincidência...
Ao contar para o Rui - sobre esta semelhança notável - ele disse-me que não tem parentes residentes no estado de São Paulo.
Caloroso abraço. Saudações semelhantes.
Até breve...
João Paulo de Oliveira
Um ser vivente em busca do conhecimento e do bem viver, sem véus, sem ranços, com muita imaginação, autenticidade e gozo.

quarta-feira, 23 de agosto de 2017

Copidesque


Caros confrades passageiros.
No domingo, quando estávamos no início das sombras da noite, enviei missiva, com o mesmo teor, para os periódicos Folha de S.Paulo e Diário do Grande ABC. 

A Dona Folha publicou na segunda-feira e o Diário do Grande ABC na edição de ontem.

A Dona Folha fez copidesque, sem alterar o conteúdo, mas escolheu outro título, também pertinente. O Diário do Grande ABC publicou a missiva na íntegra, inclusive mantendo o título.

Claro que tenho ciência que os periódicos podem burilar as missivas que os leitores enviam, mas fiquei lisonjeado em saber que o DGABC considerou que minha missiva não precisava de copidesque.

Apesar de ter escolhido MASP inclusivo, também apreciei o título que a Dona Folha escolheu: Diversidade de gênero.

Comparem as duas publicações e, se considerarem pertinente, deem suas opiniões.

Quero ver o que meus amigos, como por exemplo, Sergio TodeschiniNivia AndresMilton SaldanhaLucilia Magalhaes Oliveira Oliveira dirão.

Caloroso abraço. Saudações buriladas.

Até breve...


Um ser vivente em busca do conhecimento e do bem viver, sem véus, sem ranços, com muita imaginação, autenticidade e gozo.

segunda-feira, 21 de agosto de 2017

domingo, 20 de agosto de 2017

Homofobia


Caros confrades passageiros.
Certas pessoas peçonhentas e homofóbicas, deveriam morar na residência do Sr. Carvalho, que fica no bairro da Intolerância, mais precisamente na Avenida do Ranço Profundo n° 666, três quadras depois da ponte que partiu...
Caloroso abraço. Saudações exasperadíssimas.
Até breve...
João Paulo de Oliveira
Um ser vivente em busca do conhecimento e do bem viver, sem véus, sem ranços, com muita imaginação, autenticidade e gozo.

sexta-feira, 18 de agosto de 2017

Por Chronos, como o tempo urge.

Caros confrades passageiros.
Fui eternizado nesta fotografia no ano que minha amiga e parceira de ofício Afrodite Jardim e meu amigo e parceiro de ofício, o leitor piagetiano Nelson Pedro deram as primeiras piscadas.
Também foi o ano da maldita carnificina, que ficou conhecida como Guerra dos Seis Dias e na fascinante Arte das Imagens em Movimento fazia sucesso estrondoso as imperdíveis películas Ao Mestre com Carinho e A Bela da Tarde.
Por Chronos, como o tempo urge.
Max...
Caloroso abraço. Saudações cinquentenárias.
Até breve...
João Paulo de Oliveira
Um ser vivente em busca do conhecimento e do bem viver, sem véus, sem ranços, com muita imaginação, autenticidade e gozo.

quarta-feira, 16 de agosto de 2017

Miniconto

Fonte: arqtodescadois.blogspot.com.br

No ano que comecei a piscar, os garbosos e vigorosos ocupantes desta máquina rodante deixaram de piscar - de supetão - quando foram calcinados, porque o motorista não respeitou a sinalização de pare na passagem de uma linha férrea e a máquina rodante explodiu devido ao violento impacto.
Max...

terça-feira, 15 de agosto de 2017

Arquiteto de meia-tigela



Caros confrades passageiros.
No meu já bem distante tempo de petiz e adolescente, eu comprava a edição dominical do periódico "Estadão" e ia direto no caderno que tinha plantas de espaçosos apartamentos, para famílias da 
Classe A. Como era deleitante divagar sobremaneira morando num requintado apartamento e, mais ainda, imaginar como seria  planta com outra conformidade.
Ao me deparar com a planta deste compacto apartamento - com dois dormitórios - o deixaria com um dormitório. O banheiro social transformaria num lavado e a área do chuveiro seria integrada no dormitório.
Caloroso abraço. Saudações alteradas.
Até breve...
João Paulo de Oliveira
Um ser vivente em busca do conhecimento e do bem viver, sem véus, sem ranços, com muita imaginação, autenticidade e gozo.

Google+ Badge